Um tesão de Baiano! Contando um resumo da minha história

Categoria: 

Olá amigos, muito bom mais uma vez estar com vcs.

Esse conto será um pouco diferente, pois falarei um pouco de mim e dos meus fetiches.

Sou um moreno de aproximadamente 1,80mts, 85kgs, corpo malhado, cabelos e olhos castanhos escuros, olhar penetrante e um cara bastante sensual e charmoso(segundo as moças me acham - RS).

Aos 13 anos já era um bronheiro nato, não aguentava ver uma boceta e bunda gostosa que já batia uma... Espiava a vizinha gostosa aos 14 anos quase tds os dias subindo o muro e ela sabia, pois me viu umas 2 vezes, até que um dia o bloco do muro soltou e bateu na minha cabeça que por sorte não precisou levar ponto. Aos 18 anos, tive a sorte de comer essa vizinha, a qual foi minha 2 mulher na cama e me ensinou muita coisa legal, especialmente como se chupar uma boceta com louvor(hoje uso de tudo para levar a mulherada a loucura: gelo, leite condensado, pastilhas, e produtos eróticos especificos).

Aos 22 anos de idade, eu já havia transado com mais de 15 mulheres... Não que eu seja promíscuo, mas todas as 15 foram entre namoradas a ficantes. Hoje, aproximadamente aos meus 38 anos de idade, tentei fazer as contas de quantas mulheres(entre solteiras e menages) já fizeram amor comigo, e sinceramente, não tenho como mais saber, saber bolei uma lista onde deu mais de 80 e ainda esqueci muitos nomes. Acho que sou compulsivo para o sexo. Na época da faculdade, paquerava as colegas de forma velada. Depois me soltei, e só lá consegui comer umas 12 gostosas, sendo que dessas 12, dez foram enrabadas. Meu fetiche principal é comer um belo cú, seguido de gozar na boca. O Menage também me dá muito fogo e tesão, especialmente quando vejo a namoradinha ou noiva de um amigo delirando nos paus da gente.

Mulher que não tem muito costume, quando senta na pica do cara e eu entro no cuzinho, vc percebe que ela dá um pinote de medo, e durante a transa geme muito e as vezes até chora. Alegam que dói, mas dizem ser uma transa gostosa e uma dor que está atrelada entre o prazer e o êxtase.

Já comi mulheres de todas as idades, só sempre tive o cuidado de evitar menores(por mais gostosas que sejam). Já comi uma cinquentona que era linda e em cima, muito cuidada, que deixava muita menina de 20 anos com inveja e água na boca da performance.... Cuzinho guloso e bastante roto! Me relatou que já foi enrabada por vários paus de todos os calibres possíveis. Eu sorri e disse: então tome mais um pra sua coleção! Ô Coroa puta!

Na Bahia infelizmente o Menage e Swing ainda é muito limitado. A Galera na ânsia de foder, criam grupos sem regras, e isso não deixa que essas coisas boas fluam. Não entendem que, pra entrar nesse mundo primeiramente, precisam fazer boas amizades seguidas de afinidade, afinal de contas, poucos fornecem seus entes amados a estranhos(embora exista gosto para tudo).

Tenho vontade em um dia, ajudar a fazer um grande e elitizado encontro de casais, mas um encontro pautado no respeito e amizade, e que, caso role afinidade, aí sim a putaria corra solta. Não existe clima entre estranhos que mal se conhecem e sem afinidade.

Sou extremamente excitado pelo MENAGE. Já o fiz com duas mulheres e dividindo as negas de alguns amigos. Gostei dos dois. Mas confesso que fico doido quando meto no cú de uma putinha e o nego dela está debaixo sendo chamado de corninho. RS. Isso me dá muita tesão. Já comi putas também, daquelas TOP estilo elite girl e sempre fui fissurado pelas mulatas e negras que para mim, particularmente, me enchem de tesão, bocetona quente(rs). As putas não entram no rol das comidas. Entretanto, hoje em dia, pagar garotas nem é necessário, com tantas ferramentas disponíveis de redes sociais. Só não se arma quem não quer... MENAGE ou SWING é algo ainda RESTRITO para muitos, mas disponíveis para poucos que entendem como funciona e sabe onde encontrar. Forçar a barra de uma forma geral, além de não se conseguir êxito, ainda enfraquece a amizade. Relatos como da BAIÚCHINHA e outros que vejo aqui, me estimulam a continuar escrevendo os meus. Peço aos leitores que sempre que possível comentem e digam o que sentem, pois isso me norteia a continuar trilhando e norteando meu jeito de ser e viver... E de escrever as putarias da minha vida.

Se quiserem escrever, fiquem a vontade, responderei a todos(de preferencia solteiras e casais).

Bjus carinhosos e cheios de tesão, Douglas

Comentar

CAPTCHA
Esta questão é para evitar SPAM