Sexo real com a mulatinha do Tinder

Categoria: 

Olaaa!!

Me apresentando me chamo Felipe, tenho 22 anos, tenho 1,80, sou um rapaz de físico não muito magro, estou entre forte e gordinho, forte dos meus tempos de treinos na academia e gordinho por sempre ter tido tendência a ser mais gordinho.

Vamos ao que interessa.

Eu estava fuçando no Tinder como de costume, e nessas idas e vindas de garotas deu match com a Sara, uma garota alta (1,77), magrinha, peitinhos maravilhosos, é um sorriso muito bonito

Puxei conversa com ela, ela foi muito simpática, porém como mandei mensagens de madrugada acabei pegando no sono e não conseguindo mais responder. Porém quando acordei no outro dia tive uma surpresa, ela havia pego meu número do waths no Tinder para conversamos melhor pelo wathssap.

Sara: Oi, peguei seu número no Tinder. Espero não ter feito mal.

Eu: que bom que você pegou hahaha.

Ela foi muito simpática conversamos a manhã toda, descobri que ela morava num bairro próximo ao meu é do meu serviço, havia terminado com o namorado a 6 meses e como ela mesmo disse; "estava subindo pelas paredes", aproveitei essa informação para propor algo mais ousado.

Eu: escuta Sara, vc esta a 6 meses sem fazer sexo, eu estou a 4(era mentira mas queria que ela se identificasse comigo), eu já adorei você, que tal unirmos o útil ao agradável, a gente se encontra, se conhece pessoalmente vemos se realmente vamos gostar do outro e depois poderíamos ir para um hotel, e matariamos a nossa vontade. Eu achei um tesão e estou louquinho para te chupar a buceta e te comer ferozmente.

Fiquei morrendo de medo da sua resposta, dela me esculachar, me bloquear e tudo mais, porém me surpreendi positivamente com a sua resposta.

Sara: hum...eu adoraria, mas como faríamos?

Eu: podemos fazer assim, eu saio do trabalho às 16:00, vc poderia vir até um ponto aqui próximo, eu estaria lá te esperando, a gente se encontrava pedia um Uber para um hotel aqui perto do meu serviço é lá ficaríamos a sós para fazermos o que quisessemos.

Ela prontamente aceitou ( acho que realmente ela estava subindo pelas paredes haha). Pronto tudo marcado, e eu nem consegui trabalhar direito depois do almoço, com tanto tesão.

Chega a hora de ir embora, vou para o ponto é lá está ela, mulata, linda, magrinha, peitinhos até que grandes devido sua magreza é uma bundinha pequena porém redondinha. Pedimos o Uber e fomos direto para o hotel que eu conheço, durante o caminho no Uber já íamos nos beijando ardentemente minha vontade era atacar ela ali mesmo, mas me segurei e esperei chegar. Chegamos escolhemos nosso quarto, ao entrar no quarto começou a pegação, nos beijamos muito, loucamente (realmente ela estava subindo pelas paredes), durante o beijo eu passava a mão por cada pedacinho do seu corpo e ela estava mais tímida, tratei de acabar com a timidez dela peguei sua mão e guiei até o meu pau, por cima da calça ela me apalpava e eu ia a loucura com aquilo, tirei sua blusa e sua calça, e ela tirou minha camiseta e minha calça tmb, isso tudo numa pegação intensa e com super conexão, parecia que nos conhecíamos e transavamos a anos, então deitei ela na cama, tirei sua calcinha e cai de boca na sua buceta, ela gritava de tesão, e eu chupava com vontade, como se fosse a última buceta que eu veria na minha vida, lambia do início ao final dela, enfiava a língua, ela estava completamente molhada, saia de lá de dentro e partia para o clitóris, lambia de leve com a língua mole e fazendo movimentos circulares e enfiando meus dedos na sua buceta senti que ela gozou duas vezes na minha boca e eu bebi todo o seu mel, ela implorou para eu come-la e eu como obediente que sou fiz, tirei a cueca subi com ela na mesma posição deitada e com a pernas abertas e peguei ela num papai e mamãe intenso, comi ela muito gostoso, bombei por aproximadamente uns 10 minutos e gozei, gozei muito encharquei a buceta dela de gozo. Fomos ao banheiro tomar banho, foi o banho mais gostoso da minha vida, nos beijamos ela passava a mão com sabonete por todo o meu corpo, não demorou 2 minutos eu já estava de pau duro de novo, ela quis retribuir a minha gentileza se agachou no chão do banheiro e me mamou, ela não era muito boa mas fui dando umas diretrizes e até que ficou gostosinho, quando eu estava prestes a gozar puxei ela pra cima, voltei a beija-la, durante o beijo fui peguei elas pelas pernas, levantei ela, encaixamos minha rola na sua buceta e começamos no banheiro com ela no meu colo, bombando controlando a situação, e enquanto isso nos beijamos freneticamente, ela anunciou o gozo, gozou e eu diminui o ritmo para que eu não gozasse de novo, levei ela para a cama, joguei ela na cama, pedi para ficar de 4, ela ficou e eu comecei a bombar fortemente e dando muitos tapas na sua bunda, ela gemia e pedia para eu bater mais forte, obedeci, alternava socadas fortes com tapas, no ápice do prazer, dei uma estocada super profunda, e quando senti que ia gozar dei um tapa muito forte na sua bunda, ao me sentir gozando dentro dela é tomar aquele tapão, ela tmb gozamos, gozamos juntos e a sensacao era maravilhosa. Ficamos deitados abracados, eu pegava a mão dela e colocava no meu pinto, queria mais uma para despedida e nada de meu pai subir então apelei, pedi algo que sempre tive desejo, pedi para ela bater uma punheta para mim com os pés ( sempre tive esse fetiche) ela mal começou e essa situação gostosa, diferente e de realização de um fetiche, meu pau já estava duro como uma rocha, pedi para ela montar em mim, ela montou de frente e ficou cavalgando, eu me inclinava e chupava seus peitinhos maravilhosos, e ela cavalgava, cavalgava e nada de me fazer gozar, ela gemia, gemia e eu não gozava, ela me pedia pra gozar, dizia que não aguentava mais, me implorava para gozar e nada, então pedi para que ela me mamasse de novo, ela foi, estoquei fortemente na sua boca, fudi sua boca como se fosse sua buceta molhada, anunciei o gozo e ela tentou tirar a boca, eu segurei seus cabelos e pressionei contra a minha rola, impedindo de tirar a boca, gozei na boca dela, rsrsrs ela ficou puta, cuspiu e foi lavar a boca, eu fui atrás me desculpar e me acertar com ela, nos acertamos, nos beijamos e fomos nos trocar, nos trocamos e fomos embora do hotel como dois namorados, ainda conversamos e ela sempre me fala que na próxima vez ela vai me dar o cu de presente, mas tenho receio de pegar ela de novo e começar a rolar sentimento, porém mais cedo ou mais tarde eu vou comer aquele cuzinho rsrs.

https://www.casadoscontos.com.br/texto/201804401

Comentar

CAPTCHA
Esta questão é para evitar SPAM