Nós com um rapaz bisexual

Categoria: 

Como ja contei nos contos anteriores, tivemos algumas experiencias com o bi masculino, e depois que minha esposa conheceu esse mundo, ela até prefere agora que eu consiga apenas homens que curtam o bi. Mas quem esta nesse meio, sabe que muitos homens até dizem ser bi, tem curiosidade e tal, mas na hora do vamos ver mesmo, o pau quase não levanta rsrsrs, ou até levanta, mas fazem só para satisfazer o marido, que na verdade mesmo eles só querem comer as nossas mulheres…

Eu ja fui passivo em algumas oportunidades, mas nunca fui de um macho de verdade mesmo, um cara que tivesse prazer mesmo em ser e fazer um corninho de uma putinha, mas isso foi até eu achar um perfil no site D4… No perfil estava claramente que era bisexual, ja descrevia que ele gostava de casal mas que era apenas ativo, gostava de chupar também, ja teve experiencias com homens, 26 anos e um corpo normal, não chegava a ser atlético, mas em boa forma, um pau grande e grosso….

Mandei mensagem que prontamente respondeu e começamos a conversar, logo de cara ja gostamos, educado, atencioso e sabia conversar, não demorou para apimentar o papo, ele ja perguntou o que a gente gostava e dissemos que queriamos um cara que fosse ativo para nós dois, e ele disse que era o que ele procurava, ele até ja tinha namorado homens e mulheres, ou seja, um verdadeiro bisexual.

Bom, trocamos fotos e marcamos num bar numa cidade proxima, tinha uma boa banda de rock e o clima foi sensacional, quimica muito boa e numa hora todos ja queriamos ir para o motel.

Como ele estava de moto, ele foi no carro com a gente, e no caminho ele ja começou a passar a mão em minha esposa, percebi ele acariciando o braço dela, subindo até o pescoço e depois descendo até os seios, só via ela respirando fundo do meu lado e eu intercalando olhares nela e na estrada… dai uma hora ele começou a passar a mão em mim, enfiou a mão por dentro da camisa e passou os dedos nos meus mamilos, e foi descendo até o meu pau, aonde ja estava duro…

(Apenas um observação, eu não me considero bisexual, pois não tenho atração fisica por homens, nunca namorei um cara e nem pretendo, a minha única tara mesmo é no pau, adoro o cheiro, gosto e ser penetrado, mas para por ai....)

Bom, estranhamente eu na hora do tesão, não senti nojo do toque dele, muito pelo contrário, comecei a sentir um arrepio na espinha, uma estranha sensação de ser dominado, e ele começou a beijar minha orelha e enfiar a linha, com a mão ele pegava na minha nuca e apertava e aquilo me fazia virar os olhos, nunca tinha sido tratado desse jeito e aquilo era tudo novidade para mim… e ele ficava revezando entre eu e minha esposa, até uma hora q ele socou um beijo na boca dela e apesar dela não gostar de beijar outros caras sem ser eu, não recuou um milimetro e beijou ele de volta e depois o cara veio e me beijou, confesso q foi uma surpresa na hora, mas retruibui o beijo e aquilo me excitou mais ainda, confesso q parei de ficar analisando o q é certo ou errado e me entreguei aquela lascividade dele…

Então chegamos no motel, ele ja agarrou a minha esposa e foi passando a mão nela, aproveitei para tirar algumas fotos e fui para o banheiro, na hora que voltei ja pensando em começar a tirar a roupa, ja vi ele pelado deitado na cama e minha esposa ja pelada também e chupando pau dele, rsrsrs, ja estava atrasado, tirei a roupa rapidamente e me juntei a dela para chupar o pau dele, mas a danada parece que não tem pau em casa e não parava de chupar a cabeça do pau dele, aproveitei para chupar a base e o saco dele, uma maravilha, todo depilado, após alguns momentos ela soltou o pau dele e cai de boca, puxei a pele bem para trás e engoli toda aquela cabeça deliciosa, como é bom chupar um pau duro assim…

Logo após levantei e dei meu pau para ela chupar e fiquei ao lado dele, nisso ele ja começou a acariciar a minha bunda e passava o dedo pelo meu cuzinho, como ele viu q eu não tirei fora, ele ja lambeu um dedo e começou a me penetrar, eu ja comecei a delirar…

Então ele foi chupar o meu pau, enquanto me penetrava com o dedo e minha esposa foi chupar o pau dele, ficamos ali os tres nessa posição q eu delirava… passei a mão na buceta da minha esposa q ja estava super melada, sai dali e fui buscar camisinha, ele deitou de barriga para cima e ela subiu nele, eu abri a camisinha e fui colocando no pau dele, ja puxei ela para trás e apontei o pau dele na buceta dela, entrou muito facil, ela ja estava a meses sem sentir um pau diferente, e ela logo ja começou a pular no pau dele, eu após ver aquela cena por tras, levantei e dei o pau para ela chupar, logo os dois ja estava juntos chupando o meu pau, ela eu via q ja estava gozando, e delirando ali com aquela situação…

Depois saiu de cima de ficou de quatro e ele comeu ela, depois ela deitou e foi assim, comeu ela em várias posições…

Depois que ja ela tinha dado bastante ela chegou para mim e disse que era agora a minha vez, eu fiquei meio apreensivo porque como fazia muito tempo q não dava, sabia q iria doer, ele deixou de barriga para cima e pediu para eu sentar no pau dele enquanto ela sentaria no rosto dele, tentei enfiar assim, mas é uma posição q não favorece muito, tinha q começar pelo menos em outra posição…

Pedi para começar de lado, e le aproveitou e me dei um beijo grego, chupou meu cuzinho com muito gosto e lambeu, voltou com o pau e começou a enfiar, nesse momento veio aquele dor e fui tentando relaxar, abrir meu cuzinho para o pau dele e foi entrando, ele ja estava dentro de mim, minha esposa sentada e só olhando ele me comer e os olhos dela brilhando, ela se abaixou e começou a chupar o meu pau, ja estava delirando e dai ela deitou em minha frente e abriu a buceta para mim, enfiei nela e o cara com o pau no meu cuzinho, nunca mais vou esquecer aquele sensação, foi incrível, uma hora ele e ela param e eu fiquei bombando na buceta dela e o pau dele ia deslizando para dentro e para fora, nesse momento olhei para o espelho no teto e me vi numa situação que sempre invejei nos filmes bisexuais, rsrsrs, a vontade de gozar começou a vir muito rapido e tive q me controlar…

Dai fizemos a posição q ele queria, ela sentada na cara dele de costas para mim e eu sentado no pau dele, eu beijava a minha esposa pelas costas e pegava nos seios dela e ela só gemia, olhando para tras e me vendo ali naquela situação…

Levantei e ela logo sentou no pau dele de novo e se inclinou bastante, vendo aquele cuzinho dela arrebitado eu não me aguentei e fui forçar meu pau, rapidamente meu pau entrou e comemos ela numa linda DP, ela gemia muito, dai ele pediu para eu enfiar na buceta dela também, mas falei q ela não aguentaria, pq ela é muito apertada, mas ela simplismente não falou nada e ficou arrebitada, e vi q queria tentar, abaixei e fui forçando, ela começou a gemer, e vi q estava gostando, quando meu pau entrou ela deu um urro, e começou a se movimentar, sincronizamos os movimentos fomos comendo ela, os dois paus juntos na buceta ela, ela gemia muito, uma hora paramos e deixamos ela se mexer, ela começou um vai e vem e gemia de um jeito q nunca tinha visto, ela estava muito molhada, praticamente lambuzou nossos pau, saco e tudo, e uma hora vi q ela gozou muito forte e desfaleceu, caiu para o lado até meio zonza rsrsrs

Aproveitamos e demos uma pausa e fomos para a banheira, ficamos la os tres nos acariciando, eu não deixava passar uma oportunidade de punhetar ele, dai ela de tão cansada foi para a cama deixa e ficamos la conversando e punhetando um ao outro, nunca pensei q ficasse tão a vontade de fazer isso em outro cara, e estava muito bom.

Depois voltamos para a cama e pedi para ele me comer de costas, deitei com a barriga para baixo e ele veio por cima, ele deu uma enfiada q doeu na hora, mas ele só parou um pouco e enfiou de novo, entrou tudo q vi estrelas e começou a bombar, e metia muito forte, tava me comendo com força e vontade, eu sentia o tesão dele, o pau dele tava muito duro e ele arrebentando com o meu cuzinho, e ele me chamava de corninho, de viadinho, e eu delirava, minha esposa pois a mão nas minhas costas e ficava só assistindo ele judiar de mim, uma hora ela foi por tras e puxou meu pau, e ficou punhetando meu pau tava babando e eu delirando…após longos minutos ele parou e deitou, minha esposa ja subiu nele e pediu para ele gozar ela, queria ele gozando dentro dela, dai ele meu muito nela de gozar farto, depois ela deitou de barriga para cima e eu subi por cima, comei ela com gosto, sentia a bucetinha toda abertinha de tanto meter e gozei muito dentro dela, nós tres desfalecemos de prazer, uma fim épico para uma noite épica e nos deixou ja com gostinha de quero mais… esperamos sair novamente com esse rapaz e fazer outra farra assim, sem preconceito, apenas sexo entre 3 pessoas sem pudor algum...

https://www.casadoscontos.com.br/texto/201802568