Minha ex não escapou

Categoria: 

Minha mãe gostava da minha ex namorada, e de vez em quando a chamava para passar o dia lá em casa. Eu na época morava em um apartamento que havia nos fundos da casa de meus pais, e todo domingo depois do almoço eu gostava de ficar deitado assistindo televisão. Um certo final de semana, para minha surpresa, a minha ex entrou no quarto, perguntando se poderia descansar um pouco, eu logo desconfiei mas mesmo assim disse: "Claro, pode ficar a vontade!". Então assim que ela deitou, eu me levantei da cama e fui deitar na rede que havia fora. Não demorou 5 minutos e ela saiu lá de dentro com a cara fechada (rsrs). O motivo de ter feito isso é porque eu estava namorando com outra pessoa, minha ex sabia disso mas mesmo assim ela veio atrás. Mesmo assim, eu fiquei pensando depois: "poxa, eu deveria ter aproveitado..."

No domingo posterior, a minha mãe a chamou novamente para almoçar lá. Eu como de costume, fiquei dentro do quarto assistindo tv, quando de repente minha ex fez a mesma coisa da vez passada, entrou no meu quarto perguntando se poderia descansar um pouco. Dessa vez ela não escaparia, eu já sabia o que ela queria. Então eu disse que ela poderia sim deitar na cama, só que dessa vez eu fiquei.

Ela estava com um vestidinho leve, que ao deitar de costas para mim, levantou um pouco. Ela logo ficou sonolenta, e eu me levantei devagar e sentei na cama, de um modo que dava pra ver a bunda dela por debaixo do vestidinho. Ela estava de fio dental, e só de ver aquela bunda (que era linda) eu já fiquei de pau duro.

Não aguentei, deitei do lado dela, estilo conchinha, e fui logo apalpando os seios. Ela soltou um "eiiiiiii", mas eu fui logo dizendo: "Eu sei o que tu quer!", e fui metendo a mão por debaixo do vestido. Eu a segurei pela cabeça e comecei a beijá-la. Ela ficou passando a mão no meu peito, e foi baixando, passando a mão no meu pau por cima da bermuda. Eu para ajudar, fui logo tirando minha bermuda e cueca, fazendo com que ela agarrasse com força o pinto.

Ela olhou pra mim e disse: "Tava com tanta saudades de sentir ele bem duro assim...", e foi logo com a boca, engolindo todo o pau. Ela tava chupando e engolindo tão gostoso que tava me dando 'choques" na perna. Eu tava disposto a ficar ali a tarde toda, vendo ela me chupar, tirar da boca e massagear, e engolir de uma vez. Só que ela mesma não aguentou, já tirou a calcinha e veio pra cima de mim, encaixou o pau na entrada da buceta e foi sentando devagar: "Aiii, como eu tava com saudade desse pau em mim..." Ela ficou subindo e descendo bem devagar, apertava o meu peito e gemia baixinho.

Eu deitei ela de lado, levantei a perna e fiquei metendo. Ela comentava que nunca tinha sentido meu pau tão duro assim antes. Depois que ela falou isso, eu tirei o pau da buceta e fiquei passando a cabecinha no cuzinho dela. Ela virou a cara pra mim como a expressão no rosto tipo "não come meu cu nao", mas ela ficou calada. Enfiei de novo na buceta e tirei pra passar novamente a cabeça na entrada do cuzinho dela. Só que dessa vez eu forcei a metida, ela foi revirando o olho, fui forçando devagarinho até sentir que a cabeça entrou. Nesse momento ela puxou minha cabeça, pra me beijar, e ela mesma foi mexendo a bunda pra trás pro pau entrar mais... Quando vi que já tava no meio, fui forçando mais forte até entrar tudo. Depois de entrar tudo eu fiquei metendo gostoso, bem devagar, e ela gemendo baixinho...

Eu tirei o pau de dentro, me levantei e pulei fora da cama, peguei ela pela cintura e a coloquei de quatro. Eu fiquei ali olhando aquela coisa gostosa, pois ela tinha uma bunda linda. Me posicionei, encostei a cabeça e fui metendo devagar no cuzinho dela. Dessa vez eu fui mais grosso, peguei ela pela cintura e fui metendo mais rápido e mais forte. Ela pegou o travesseiro e enfiou a cara para não gemer mais alto. Tava tão gostoso que eu não aguentei, gozei e enchi o cuzinho dela de porra. Fui tirando devagarinho e ela se deitou de bruços na cama, onde deu pra ver a porra saindo e escorrendo de dentro dela. Depois disso a gente foi se lavar, e fingimos que nada aconteceu.

Depois aconteceram outras vezes que ela foi dormir na casa dos meus pais e a gente aproveitou. Em uma outra oportunidade eu conto. =)

http://www.casadoscontos.com.br/texto/201704569

Comentar

CAPTCHA
Esta questão é para evitar SPAM